Skip to content

A Transição energética

É cada vez mais comum ouvirmos o termo transição energética, por isso vamos explicar de forma sucinta em que consiste, que formas pode assumir e qual a importância que tem.

De uma forma simples e direta a transição energética refere-se à mudança global da utilização de energia de sistemas baseados em produção e consumo de energia fóssil – incluindo petróleo, gás natural e carvão – para fontes de energia renováveis ​​como solar, hídrica, eólica e podemos ainda incluir o armazenamento em baterias, como as de lítio.

 

Porque estamos a mudar ?

No cerne da questão está a necessidade de reduzir as emissões de CO2 relacionadas com a energia, de forma a limitar as mudanças climáticas e o consumo excessivo de recursos do planeta.  O combate às alterações climáticas é um dos maiores desafios que a humanidade tem de enfrentar no século XXI e todos devemos estar envolvidos no processo de transição para uma economia descarbonizada: Governos, negócios, organizações e cidadãos.

A energia de fontes renováveis e as medidas de eficiência energética podem potencialmente atingir 90% das reduções de carbono necessárias.

A mudança de fontes de energia não renováveis, como petróleo, gás natural e carvão, para energia renovável é possível devido aos avanços tecnológicos e um impulso social em direção à sustentabilidade, estimulada por mudanças estruturais e permanentes na oferta, procura e preços de energia.

 

Quais os setores que estão a mudar ?

A Agência Internacional de Energia prevê que a capacidade total de energia renovável do mundo aumente 50% entre 2019 e 2024. Em resposta a essa mudança, as utilities começaram uma rápida transição energética para evitarem a produção de energia através de centrais alimentadas a carvão.

Produzir energia a partir de fontes renováveis ​​é apenas parte da transição energética. A introdução em massa de infraestrutura de transporte e armazenamento de energia, juntamente com maior utilização de tecnologias para melhorar a eficiência energética, também estão a impulsionar a transição.

Outro setor que está a mudar bastante é o setor automóvel. Este setor (Transportes) é responsável por um quarto das emissões de CO2 a nível global e por grande parte da poluição urbana. O que tem estado a acontecer de forma gradual é a eletrificação do transporte por meio de veículos elétricos, melhorando assim o uso de energia por meio do aumento da eficiência.

A indústria, retalho e outros setores também estão a fazer uma mudança a vários níveis, com um número crescente de instalações de centrais fotovoltaicas que permitem a produção de energia limpa em autoconsumo, assim como aposta crescente em medidas de eficiência energética.

 

Que formas pode assumir a transição energética ?

Tipicamente pensamos que a transição energética é apenas a instalação de centrais fotovoltaicas, mas isso é apenas uma das vertentes. A produção de energia local para autoconsumo é essencial, mas é igualmente importante conhecer a utilização que os negócios fazem da energia. Realizar a sensorização de equipamentos, recolher dados, ter software que efetua a recolha e interpretação de Big data, é critico para que se possa atuar na utilização da energia em processos produtivos ou gestão de edifícios. Só com conhecimento, é possível evitar o desperdício e apostar em medidas que trazem uma melhor performance e rentabilidade, que no médio e longo prazo se traduz em maior competitividade.

O exemplo do Bom Porto Hotéis é o exemplo de como a total sensorização das unidades hoteleiras permitiu ter um acompanhamento de 24 horas sobre a utilização da energia e com atuação em tempo real sobre equipamentos.

Vivemos tempos fantásticos em que existe vontade para mudar e tecnologia disponível que permite realizar essa mudança. Temos de acelerar a transição que já começou e que não vai parar. Empresas como a HELEXIA têm um papel muito importante nesta transição, pois através de conhecimento especializado e capacidade de investimento, ajudam os negócios a ser mais competitivos e sustentáveis.

 

Quer iniciar a sua transição ? Nós ajudamos.

Helexia-2-LO

Marketing & Communication Director

Subscreva
a Newsletter

Subscreva
a Newsletter

MAIS NOTÍCIAS

separator-shape-03